Congelamento de Espermatozóides

Em determinadas situações pode ser realizado congelamento do sêmen do paciente para uso futuro. Uma das indicações é o armazenamento prévio a um tratamento oncológico. As terapias contra o câncer (quimio e/ou radioterapia) podem diminuir e até aniquilar as células germinativas dos testículos que produzem o espermatozóide, resultando em uma infertilidade pós-tratamento.

Nesses casos, o espermatozóide é coletado por masturbação, preparado e congelado. São necessários alguns exames sorológicos prévios deste paciente. Usualmente são realizadas de duas a três amostras, de acordo com o número e qualidade dos espermatozóides.